GoogleTecnologia

Google fecha acordo de US$ 30 milhões com empresa de comunicação australiana após resistência a nova lei

O buscador também já firmou contrato com outras duas organizações de notícias, a News Corp e a Seven West Media. Em janeiro o Google ameaçou bloquear o buscador no país para evitar pagamento aos jornais.

O Google fechou um acordo com a empresa australiana de notícias Nine Entertainment, segundo anúncio feito no jornal The Sydney Morning. O acordo de US$ 30 milhões dará ao buscador acesso aos principais meios de comunicação da empresa, como o próprio jornal.

Além da Nine Entertainment, o Google também concluiu negociações com pelo menos outras duas grandes empresas de jornalismo para poder continuar veiculando notícias na Austrália, a News Corp e a Seven West Media.

O acordo surge após o governo australiano criar uma lei que obriga os gigantes digitais a pagarem aos meios de comunicação pelo uso de notícias. Inicialmente o Google foi resistente à medida e em janeiro ameaçou bloquear o buscador no país.

A News Corp foi o primeiro dos conglomerados a ter acordo firmado. Ele tem o prazo de três anos e concederá ao Google o acesso às notícias de jornais, como o Wall Street Journal e o New York Post nos Estados Unidos, o Times e o Sun no Reino Unido e jornais locais, o Australian e Sky News na Austrália.

O acordo, que também abrange conteúdos em vídeo e áudio, foi feito por uma “quantia significativa”, segundo à News Corp, além de dar a empresa participação na receita de anúncios no Google.

A Nine Entertainment possui dois jornais The Sydney Morning e o The Age. Também é a dona da “The Australian Financial Review” e possui estações de rádio e canais de televisão, segundo a publicação no jornal.

Fonte
G1Direto da Redação

Interplanet Network

Soluções Inteligentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo